Termômetro quebrado, febre alta

A taxa Libor, um dos mais importantes indicadores financeiros do mundo, está com problemas, segundo o WSJ (em português no Valor). A taxa é uma média dos custos de captação de vários bancos que atuam no mercado de Londres. Surgiu a desconfiança agora que alguns dos bancos não estão informando o seu verdadeiro custo de captação, para não mostrar o quanto estão apertados.

Essa quebra de confiança tem várias conseqüências, todas negativas. A pior talvez seja o risco de descasamento para os bancos que indexam seus empréstimos à Libor. Além disso, a notícia não vai ajudar em nada a destravar os mercados de dinheiro (Across the Curve). E os fãs do TED spread terão que achar outro termômetro para medir a saúde do sistema financeiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: