Sensatez e “Investment Grade”

Finalmente um comentário sensato sobre a elevação da nota dos títulos de dívida brasileiros pela agência Standard & Poor. O autor é o economista e historiador econômico Marcelo de Paiva Abreu, da PUC do Rio. Ele não menospreza a conquista nem os méritos dos responsáveis por ela. A autonomia de fato do Banco Central foi fundamental, apesar dos repetidos ataques de gente do próprio governo e da sua base de sustentação. O que ainda falta fazer, escreve Abreu, é garantir as condições para um crescimento mais acelerado da economia. Será preciso aumentar a nossa capacidade de poupança, melhorar a qualificação de mão de obra e inovação nas empresas, e atacar os gastos públicos, contendo o seu crescimento e melhorando sua qualidade. Não são tarefas banais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: