O tempo da complacência acabou

Ou pelo menos é essa a opinião de Nouriel Roubini, economista da NYU que tem estado mais certo do que errado no que diz respeito à extensão e profundidade da crise financeira que começou no mercado subprime. Segundo ele, os mercados e as instituições financeiras estão novamente sob grande stress. Suas perdas com créditos podres vão continuar, atingindo carteiras até aqui mais ou menos preservadas, como as de cartões de crédito, financiamento de automóveis, títulos municipais e empréstimos corporativos. Ele vê uma grande bolha de crédito estourando, com conseqüências nefastas para instituições como Wachovia, que acaba de botar na rua seu executivo-chefe, e Lehman, que volta a ter problemas mesmo sob a proteção do Fed.

A conclusão de Roubini? O pior ainda está por vir, tanto nos mercados como na economia real.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: